CANAL GENERALISTA DE INFORMAÇÃO REGIONAL

CANAL GENERALISTA DE INFORMAÇÃO REGIONAL

quarta-feira, 26 de abril de 2017

Obra na Quinta da Carreira apresenta contornos de alegada ilegalidade e falta de transparência

3 comentários :

luis disse...

Exmos. Senhores





Venho manifestar a minha indignação, por uma obra surpresa, sem qualquer edital de Alvará ou noticia do que se ía construir, que acabou por se revelar um parque de estacionamento e está a ser construído nos terrenos sobrantes da Quinta da Carreira.

De início ainda supus que fosse a obra de acesso da Marginal ao interior, para acabar com a Passagem de nível de S. João do Estoril, mas não.



Esta obra impede o atravessamento existente da ribeira e que desde sempre foi defendido pelos moradores, o que não pode acontecer.

Os moradores da Quinta da Carreira exigem que seja mantido este atravessamento existente.



Ainda, sem a devida consideração e respeito pelos moradores, destruíram parte de um murete privado e arrancaram duas palmeiras vassoura do condomínio de um prédio junto à entrada do logradouro de acesso às garagens.



Apelo à Câmara Municipal de Cascais, para que, na defesa dos direitos dos cidadãos moradores, se certifiquem de:

1- A manutenção do atravessamento da ribeira no local onde sempre existiu

2- Que sejam repostas as duas palmeiras vassoura arrancadas

3- Seja feita a reparação do murete privado destruído.



Sem outro assunto, fico na espectativa de ver estes problemas resolvidos e gostaria de ser informado por vós sobre estes problemas.





Cumprimentos,

Luis Maia

luis disse...

Esteve mal a Câmara Municipal de Cascais e a Junta de Freguesia, que não defendem os interesses dos Munícipes moradores, bem como a PSP, à qual devia ser instaurado um inquérito por uso abusivo e desnecessário de força, parecendo querer retomar a 2lei da rolha".

luis disse...

Exmos. Senhores





Venho manifestar a minha indignação, por uma obra surpresa, sem qualquer edital de Alvará ou noticia do que se ía construir, que acabou por se revelar um parque de estacionamento e está a ser construído nos terrenos sobrantes da Quinta da Carreira.

De início ainda supus que fosse a obra de acesso da Marginal ao interior, para acabar com a Passagem de nível de S. João do Estoril, mas não.



Esta obra impede o atravessamento existente da ribeira e que desde sempre foi defendido pelos moradores, o que não pode acontecer.

Os moradores da Quinta da Carreira exigem que seja mantido este atravessamento existente.



Ainda, sem a devida consideração e respeito pelos moradores, destruíram parte de um murete privado e arrancaram duas palmeiras vassoura do condomínio de um prédio junto à entrada do logradouro de acesso às garagens.



Apelo à Câmara Municipal de Cascais, para que, na defesa dos direitos dos cidadãos moradores, se certifiquem de:

1- A manutenção do atravessamento da ribeira no local onde sempre existiu

2- Que sejam repostas as duas palmeiras vassoura arrancadas

3- Seja feita a reparação do murete privado destruído.



Sem outro assunto, fico na espectativa de ver estes problemas resolvidos e gostaria de ser informado por vós sobre estes problemas.





Cumprimentos,

Luis Maia